Discurso da estupidez, O

  • R$ 39,00

Calcular Frete

Disponível também em versão e-book nas lojas:

Amazon |  Kobo |  Play Livros


Envios do livro impresso a partir de 29/06/2020



Corpo Freudiano Belém e Mauro Mendes Dias

convidam você para uma reunião Zoom agendada


Tópico: Lançamento do livro


O Discurso da estupidez de Mauro Mendes Dias


Sexta-feira, 26 de junho de 2020

a partir das 21h


Id da reunião: 830 9017 5343

senha: 088689

Para entrar na reunião Zoom, clique no link abaixo:

https://us02web.zoom.us/j/83090175343?pwd=dU56MCtRY0xpbGMwbE02MEVVN1NBdz09



O discurso da estupidez, tanto quanto as vociferações que o acompanham vem apresentadas agora a partir de uma releitura da peça de Ionesco, O rinoceronte, tanto quanto de outras referê0ncias literárias. Fonte de inspiração para diferentes abordagens, iremos encontrá-las, como na capa, vindo galopantes em nossa direção, ajudando-nos a pensar nas vicissitudes do nosso tempo.

Numa iniciativa inédita, a estupidez em nosso momento histórico antecipou o caráter de disseminação da morte que a pandemia posteriormente reafirmou em termos mundiais. Diferente de sua acepção como falta de inteligência, ela pode ser apreendida num discurso com leis e efetividade no inconsciente de cada um e na coletividade, servindo de causa a eles. Dessa forma pode-se apreender sua ligação com as vociferacões que ela promove, aproximando-nos do canto das sereias que destroem, pelo ódio como política, quaisquer particularidades. Condição que permite indicar a contribuição efetiva das crenças, pelas seitas, tanto quanto do retorno das baratas que ressurgem do texto de Kafka em pleno exercício de seus mandatos.

Os tratamentos possíveis de tais manifestações se apresenta segundo uma urgência e rigor, exigindo deixar cair as respostas habituais, como primeiro passo para inclusão do fracasso na direção da reinvenção.

 

Mauro Mendes Dias é psicanalista, diretor do Instituto Vox de Pesquisa em Psicanálise, SP, onde coordena a Oficina da voz, atividade aberta ao público e gratuita, e um grupo de pesquisa sobre mulheres, para membros e convidados. Realiza avaliação e orientação das condutas terapêuticas dos pacientes no Hospital São João de Deus, SP, tendo publicado alguns textos sobre essa experiência, em coletâneas e na Biblioteca do Instituto Vox.

Divide com o psicanalista Luiz Eduardo de Vasconcelos, membro do Vox, a coordenação de uma atividade sobre psicanálise e política, voltada para o tema O que querem as identidades?

Publicou por essa mesma editora, Por causa do pior, em parceria com Dominique Fingermann, e Os ódios, clínica e política do psicanalista.

Tem publicado livros e artigos em psicanálise, assim como realizado seminários em diferentes instituições.

 








Especificações Técnicas
Autor(a) Mauro Mendes Dias
Nº de páginas 96
ISBN 978-6-55519-036-6
Largura 13,5
Altura 20,5

Escreva um comentário

Você deve acessar ou cadastrar-se para comentar.